Brasil, Rondonópolis - MT, 23 de Junho 2018

Notícias




Um dos maiores eventos do agronegócio de MT começa no dia 16

Fonte: Redação

O Circuito Aprosoja de 2018 começa no dia 16 de abril e apresenta novidades. Em sua 13ª edição, o evento, a partir de agora, começa pelo interior e tem seu fechamento em Cuiabá. A primeira região será a Sul, seguida por Oeste, Norte e Leste. 

 

Os 24 Núcleos da Aprosoja no interior contarão com quatro palestras. As duas primeiras serão com foco institucional, do presidente da Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja), Antônio Galvan, e de representante do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT), ainda a definir. O Senar é parceiro da Aprosoja no evento e o objetivo das palestras é que tanto Galvan como o representante do Senar realizem um bate papo com os produtores rurais participantes, respondendo possíveis dúvidas e questionamentos sobre o cenário do setor. 

 

Também haverá uma palestra da Secretaria do Estado de Segurança Pública (Sesp), “Segurança nas Propriedades Rurais: Orientação e Prevenção”, que será feita por um representante da pasta no município e é reflexo do termo de cooperação assinado em 2017 com a Aprosoja com foco na segurança no campo. 

 

A última palestra, “A Importância da representatividade de classe na Política Brasileira”, será do diretor executivo do Instituto Pensar Agro (Ipa), João Henrique Hummel. O objetivo é que os associados entendam o funcionamento dos poderes na Capital Federal e, com isso, o posicionamento da Aprosoja perante as ações realizadas por lá. Outra meta é que Hummel traga os status dos assuntos mais “quentes” ligados ao setor, bem como o cenário eleitoral para 2018. 

 

O Circuito se encerra em Cuiabá, no dia 4 de junho, com a palestra de Ricardo Amorim, sobre o cenário político e econômico do país. Economista, formado pela Universidade de São Paulo e pós-graduado em Administração e Finanças Internacionais pela E.S.S.E.C. (École Supérieure des Sciences Economiques et Commerciales) de Paris, Amorim é desde o início de 2003 um dos apresentadores do Manhattan Connection, um dos programas de maior longevidade da televisão a cabo brasileira, no ar desde 1993.

 

Datas – Na Região Sul, o primeiro município a receber o Circuito Aprosoja será Alto Taquari, às 18h30. Em seguida serão Alto Garças (17/04), às 8h30; Rondonópolis (17/04), às 18h30; Primavera do Leste (18/04), às 18h30; Campo Verde (19/04), às 18h30; e Jaciara (20/04), às 18h30. 

 

Na Região Oeste, os municípios serão: Tangará da Serra (30/04), às 18h30; Campos de Júlio (01/05), às 18h30; Sapezal (02/05), às 18h30; Campo Novo do Parecis (03/05), às 18h30; e Diamantino (04/05), às 18h30. 

 

Na Região Norte, o primeiro município será Sorriso (14/05), às 18h30; Cláudia (15/05), às 8h30; Sinop (15/05), às 18h30; Vera (16/05), às 8h30; Lucas do Rio Verde (16/05), às 18h30; Tapurah (17/05), às 18h30; e Nova Mutum (18/05), às 18h30. 

 

Na Região Leste, Gaúcha do Norte será a primeira cidade a receber o Circuito, no dia 28 de maio, às 18h30. Na sequência serão Canarana (29/05), às 18h30; Querência (30/05), às 18h30; Porto Alegre do Norte (31/05), às 8h30; Água Boa (31/05), às 18h30; e Nova Xavantina (01/06), às 18h30. 



Notícias Relacionadas

IFMT Rondonópolis abre 80 vagas para cursinho preparatório

As inscrições acontecerão entre os dias 02 e 04 de julho no próprio Instituto

Campanha de Fávaro ganha força no interior e ameaça Sachetti

Fávaro, acompanhado de comitiva formada por lideranças do PSD, já percorreu 25 municípios das regiões Sudoeste, Araguaia e Médio-Norte

Selo único para comercializar produtos artesanais agora é lei

Produtos de origem animal elaborados por agroindústrias artesanais, antes restritos ao estado, poderão ser comercializados em todo o país

CNI promove diálogo com seis pré-candidatos à Presidência da República

A moderação do Diálogo da Indústria com os presidenciáveis será feita pelo jornalista Roberto D’Avila

Temer reduz Fies em 1 bilhão

O governo do presidente Michel Temer irá sacrificar o investimento em educação para a manutenção do Fundo Nacional da Segurança Pública (FNSP)